quarta-feira, 23 de julho de 2008

ALMA

"As asas da minh'alma estão abertas!
Podes te agasalhar no meu Carinho,
Abrigar-te de frios no meu ninho
com as tuas asas trêmulas, incertas.
.......................................................
eis a minh'alma, as asas palpitando,
Como a saudade de agitado lenço
O segredo dos longes procurando..."

CRUZ E SOUSA -
poeta simbolista brasileiro
que admiro profundamente!...

Um comentário:

Ana Jácomo disse...

Rose, obrigada pela visita, pelas palavras, pelo carinho.
Lindo, viçoso, esse jardim que cultiva. Repleto de poesia. De idéias que passam pelo coração. De essência.
Continue por perto. :)
Um beijo,
Ana

Poderá também gostar de :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...