sábado, 2 de julho de 2011

COMOVENTE...




O vocalista da banda Biquíni Cavadão, Bruno Gouveia, homenageou, com um poema, o filho Gabriel, de dois anos - uma das vítimas do acidente com um helicóptero, ocorrido em Porto Seguro(BA). Ele afirmou ter composto o poema "em meio a uma tarde triste", por não poder mais levar Gabriel à creche. O texto comovente foi recitado pelo cantor numa igreja aonde, dias antes do acidente, Bruno levara o filhinho para conhecer a "casa do Papai do Céu"...

Leia o poema na íntegra:

"PARTIDA


A morte de um filho

é uma gravidez às avessas,

volta pra dentro da gente

para uma gestação eterna.


Aninha-se aos poucos

buscando um espaço;

por isso dói o corpo,

por isso, o cansaço.


E, como numa gestação ao contrário,

a dor do parto é a da partida,

de volta ao corpo pra acolhida,

reviravolta na sua vida.


E já começa te chutando, tirando o sono,

mexendo os órgãos, lembrando o dono

que está presente, te bagunçando o pensamento,

te vazando de lágrimas e disparando o coração.


A morte de um filho é essa gravidez ao contrário,

mas, com o tempo, vai desinchando

até se transformar numa semente de amor

que nunca mais sairá de dentro de ti."

( Desconheço a autoria da fotomontagem )

2 comentários:

Marilac disse...

Rose,
Comovente e expressa bem a saudade de um filho que parte tão cedo e repentinamente!
Só Deus para os confortar com a certeza de que o filhinho está em paz e que um dia se encontrarão.
Bjs
Marilac

Lilian Amorim disse...

Que poema belíssimo, emocionante e de um amor imenso...
Parabéns Rose pelo blog, voltarei mais vezes!! Paz e luz.
Lilian

Poderá também gostar de :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...